21/07/10

rever a moral cidadã, antes de rever a constituição


Vitor Costa, Subdirector do Diário Económico, na edição de hoje:
A história não é nova e não era muito difícil perceber que se iria repetir. O aumento do salário mínimo nacional para 2011 que está acordado entre os parceiros sociais e o Governo não se irá concretizar sem uma enorme dose de polémica.
Foi assim no ano passado. Será assim este ano. Tudo para que algumas poucas centenas de milhar de trabalhadores consigam ter um salário de 500 euros mensais.
(...)
Num país onde tão raramente se conseguem acordos em concertação, não cumprir este deixará um rasto de desconfiança para o futuro que será impossível de gerir.
Vale a pena ler na íntegra: Os acordos têm de se cumprir.

Sem comentários: