11/02/10

[ Foi então que te vi inteiriçado ]


Foi então que te vi inteiriçado
em facas.


Os teus olhos abriam dois
buracos na manhã.
E de aí um medo antigo de
tropeçar


na primitiva e inominável insolência
do teu abandono.

Eduardo Pitta

Sem comentários: