03/01/11

Defensor de Moura entrevistado por Judite de Sousa


Judite de Sousa fez tudo para evitar que Defensor de Moura dissesse ao que vem. Só faltou perguntar-lhe se dormia de barriga para cima ou virado para o lado esquerdo. Defensor de Moura, demasiado educado com jornalistas manhosas, optou por não atirar Judite de Sousa da cadeira abaixo. Foi pena. É que, nas oportunidades que conseguiu agarrar apesar do parasitismo da entrevistadora, Defensor de Moura mostrou-se muito estruturado, consistente, sereno e seguro, sem cartas na manga mas com a coluna bem vertebrada. A seguir com atenção.

5 comentários:

Sofia Loureiro dos Santos disse...

De acordo.

MFerrer disse...

Mais!
A votar nele sem hesitações!
Um homem sério.
Uma raridade.
Vai ser o meu escolhido.
Da Judite, a história o que dirá?

Ana Paula Fitas disse...

Antes de mais, Porfírio, reitero os votos de um Bom Ano... entretanto, faço link deste post.
Obrigado.
Abraço.

Nuno disse...

Vai ter o meu voto!
Quanto à Judite, coitados de nós que há anos "levamos com ela", julgo que na RTP arranjam muito melhor! É só quererem!

José Teles disse...

A Judite de Sousa é sobretudo uma gralha, irritante, espalhafatosa, que não estava ali para fazer falar, mas para defender o seu.Lembram-se de todas aquelas perguntas que não fez a Cavaco Silva qdo ele passou por lá há uma ano? Ainda assim, a minha ideia é que o Defensor Moura chegou para ela. Como já tinha chegado para o patrão dela no tal debate. "Deus escreve direito por linhas tortas"... Porfírio, excvelente post! Vou parftilhar.