12/03/12

Crato não pode continuar a ser Ministro da Educação de um país civilizado.


O Ministro Crato é publicamente acusado de mentir. A acusação é baseada em factos: invocou um relatório para suportar afirmações suas quando o relatório não continha matéria para tal. Das duas uma: ou Crato mentiu mesmo, quer dizer, afirmou o que sabia não ser verdade; ou Crato não sabe ler, e/ou está assessorado por gente que não sabe ler. Em qualquer dos casos, Crato não pode continuar a ser Ministro da Educação de um país civilizado.

2 comentários:

coraçãodemaçã disse...

Simples e claro, Porfírio. Para a rua, sim senhor. Já e sem atenuantes!

Dri

Porfirio Silva disse...

O relatório de "emprenhar pelos ouvidos" vai ser adoptado como leitura obrigatória em todas as escolas deste país...