26/09/14

a decisão marca a hora.


"A decisão de António Costa foi corajosa e foi patriótica", Maria do Céu Guerra, ontem na Aula Magna, em Lisboa.

Sem comentários: