13/11/13

quem.



quem se atreverá no mundo a medir com régua única

a dor da mãe
pela perda de um filho,
a dor de um filho
pela perda de sua mãe

quem empreenderá comparar ?

alguém,
decerto alguém será disponível

sabemos disso desde que começámos a ouvir
teorias sobre a rarefacção das coisas

sob a forma de ode à frugalidade dos velhos.

Sem comentários: