13/10/11

a teoria da limonada.


Dani Rodrik, em Milton Friedman’s Magical Thinking:
Os mercados são a essência de uma economia de mercado no mesmo sentido em que os limões são a essência de limonada. Sumo de limão puro dificilmente se poderá beber. Para fazer uma boa limonada, teremos de misturar água e açúcar. Claro, se pusermos demasiada água na mistura estragamos a limonada, tal como demasiada intromissão do governo pode tornar os mercados disfuncionais. O truque não é descartar a água e o açúcar, mas ter as proporções correctas. Hong Kong, que Friedman mostrou como exemplo de uma sociedade de livre mercado, continua a ser a excepção à regra da economia mista - e mesmo ai o governo tem desempenhado um extenso papel na provisão de terrenos para habitação.

(Cheguei lá sentado no Banco Corrido.)

Sem comentários: