30/06/11

há coisas que fazem uma diferença do caraças


Como esta: «Mas vai doer ao mexilhão. E mais desta vez, uma vez que o limite mínimo já não é 1500€ mas sim 475€.» Pedro Lains explica.

1 comentário:

António P. disse...

Boa noite Porfírio,
e mesmo os de 475 € não estarão safos, já que pelo que se vai percebendo da proposta se ela englobar rendimentos declarados em IRS...
A ver vamos como dizia o cego.
Abraço