14/12/10

debates presidenciais, primeiro round


Acabou há minutos o primeiro debate televisivo Presidenciais 2011: Francisco Lopes, Fernando Nobre, RTP. Encontro mais agressivo do que eu, pessoalmente, estava à espera.
Valeria a pena ir aos arquivos confirmar as acusações feitas por Francisco Lopes a Fernando Nobre, relativas a tomadas de posição políticas deste, com menção de discursos em datas precisas. Esse seria o meio para verificar quem estava a mentir - já que Nobre negou tudo. Um deles tem uma relação estranha com a verdade a que temos direito.
Contudo, a meu ver, isso não chega a ser preciso para avaliar o posicionamento fundamental de cada um dos candidatos. Francisco Lopes é candidato oficialíssimo do PCP, não o esconde, esse é o seu retrato. Nada na manga, nada a obstar, não vamos ao engano. Fernando Nobre, que quer romper com o sistema - mas gostaria de ter um governo com todos os partidos - deixou um autógrafo muito vincado. Com esta declaração: "eu sou a única candidatura verdadeiramente cidadã". É pena vê-lo a achar conveniente tão grande lição de arrogância.

Sem comentários: