28/05/10

isto é falar claro


E falar à esquerda. Porque a Europa pode servir para alguma coisa. Resta é saber para quê.

Daniel Cohn-Bendit, lembram-se?

Francisco Oneto postou no Ladrões de Bicicletas e eu lá o encontrei. Legendado em português.



4 comentários:

Anónimo disse...

Concordo 100% porcento com DBC palavras lúcidas e ponderadas, ele defende um corte nos gastos militares.
O Zé não em este discurso nem esta transparência. Ainda agora forma nomeados mais 15 assessores para o governo.Os Assessores do Passos Coelho são pagos pelo Paralamento.
O senhor D.Carlos dizia que isto era ingovernável e antes dele um general romano dizia nem se governam nem se deixam governar
Abraço
Francisco Cavaco

Porfirio Silva disse...

Francisco, não acho que a questão das despesas militares seja a questão mais importante do que diz Cohn-Bendit, apesar de outros ilustres concordarem contigo.
Vejo, com alguma estupefacção, que citas com óbvio um rei de Portugal e um general romano. Não achas que estás a levar os recursos ideológicos da coligação negativa demasiado longe?
Abraço.

Ruaz disse...

Interessante. Mas deve ser completado com a leitura do último livro de jacques attali, "Nous seront tous ruinés dans 10 ans"

http://www.myboox.fr/breve/jacques-attali-publie-tous-ruines-dans-dix-ans-le-19-mai-2055.html

Porfirio Silva disse...

Rui, talvez tenha razão. Mas é engano meu ou o Atali não é propriamente um estranho à cultura que preparou isto?