07/05/10

ainda o caso dos gravadores

Tendo escrito o que já escrevi, tanto em post como em comentário, sobre o caso Ricardo Rodrigues e os gravadores, acrescento isto: dizer que o homem roubou os gravadores, isto é: levou os gravadores para ficar com eles ou dar-lhes qualquer uso, é apenas uma afirmação tola (por isto). Se a tolice é involuntária (falta de conhecimento ou de discernimento, ou falta de domínio do falar português) ou se a tolice é voluntária (calúnia), isso não sei avaliar caso a caso. Mas uma coisa vos garanto: as "ondas de clamor" com que funciona a blogosfera, não são coisa que me assuste. Lições de moral, aceito. De quem tenha moral para mas dar. Apenas.

Sem comentários: