20/04/10

trinta anos depois...



... há quem tenha memória. Eduardo Pitta tem. É só para não andarmos com a merdosa desculpa do costume, de que não nos lembrávamos. Se não se lembram, estudem, ora a porra. Não venham é fazer de conta que no pasa nada. É só questão de não sermos cúmplices das palavras dúbias.


Sem comentários: