28/04/10

negociar em directo (aquilo não é cheap talk)

Berardo diz que ministra da Cultura mentiu na Assembleia da República.
«Segundo os estatutos, o museu tem para aquisições um milhão de euros por ano, a ser entregues em partes iguais pelo Estado e por Berardo. "Não vejo nada nos estatutos da Fundação Berardo que mostre que seja possível substituir 500 mil euros por obras de arte", disse Canavilhas.» (Público)

Ainda estou para ver se, mais uma vez, a comunicação social vai fazer o papel de reforço negocial de Berardo contra o Estado e o interesse público (que, nem sempre, mas às vezes coincidem).

Sem comentários: